Follow by Email

quarta-feira, 24 de julho de 2013



Há alguns instantes a gente estava no trânsito. Depois, no meio do shopping. Agora, estamos aqui e as luzes se apagam. Tudo que existe lá fora vai ser esquecido. Estamos no cinema,um mundo mágico que, durante duas horas, vai inundar nossos olhos, numa sucessão de 24 fotogramas por segundo. O cinema é feito pelos artistas que ficam atrás das câmeras. Os pintores de fotogramas como Fellini, Antonioni, Bergman, Scorsese, Almodóvar, Woody Allen, Coppola e muitos outros são capazes de compor quadros inesquecíveis, que passam num instante.
Mas o cinema é também feito por artistas que, com a sua beleza e o seu talento, inundam a tela na pele de personagens que, muitas vezescarregamos conosco para o resto de nossas vidas. No cinema, os olhos de Elizabeth Taylor serão sempre violeta. Audrey Hepburn, eternamente elegante. James Dean, o rebelde inesquecível. Alain Delon, a beleza parada no tempo, como Dorian Gray um dia sonhou.
Há pouco mais de dois anos, decidi transportar a beleza de algumas cenas para as minhas telas. O que na sala escura é película, aqui é espaço pictórico. Mais do que capturar um momento que me fascina, faço uma homenagem aos diretores que, por meio dos fotogramas, compõem quadros inesquecíveis que eu sempre tive vontade de parar e colocar na parede. Essasérie de instantes, que intitulei "Em Cena", abriu dentro de mim caminhos que penso percorrer, perguntas sem resposta que a arte suscita e a inquietação necessária para continuar criando.

Nenhum comentário:

Postar um comentário